Domingo, 3 de Janeiro de 2010

PRIMEIRO PASSEIO DO ANO 2010.

 

Como tem chovido e nevado muito, neste começo de Inverno e fim de Outono, até de mais, dizem muitos. Já tenho uma idade alta, permite-me lembrar, quando era criança, jovem e já adulta, os invernos eram case todos chuvosos e frios. Na minha aldeia, as pessoas velhas diziam: fraco era o Inverno que não desse três cheias até ao Natal Este Inverno tem realmente causado muitas catástrofes em todo o mundo. Umas naturais, pois a Natureza de tempos a tempos tem as suas fúrias. A maior parte, por causa do homem não se portar como devia perante Ela. Tenta possui-la em vez de a dominar! Se a dominasse, nada se tornava indominável. Assim todos os homens eram felizes. Pelo que se passou em Copenhaga…alguns homens vão continuar a possui-la! O resto vai continuar a domina-la sem sucesso, vão ser vitimas, sem terem culpa! A culpa é a ganância.

            Por ter chovido muito, é que fui passear, para as margens do Rio Coura, gosto de ver e ouvir as levadas das águas e as enxurradas, desde que não façam mal algum sobre tudo ao homem directamente. Vi e ouvi muitas cascatas de água, correndo por fragas de um lado para o outro, até chegar ao Rio, este depois a leva até ao Mar, não na totalidade, porque alguma fica armazenada na barragem de covas. Já está quase a chegar á ponte. O que, não acontecia a alguns anos. Como também já não via, tanta variedade de líquenes, (musgos) a desabrochar com tanta força, muitos fetos, urzes, e outra flora que só dá vida com muita humidade. Foi um prazer ver tudo tão verde, e pelo meio ouvir o canto da água, que descia pelas encostas da serra, toda em movimentos melodiosos num vai e bem de fraga em fraga, sem saber uma da outra mas que toda ela ir ter ao mesmo sitio.  O Rio. Ao mesmo tempo vi árvores que temam em não largar as folhas, com a mesma facilidade que as irmãs delas, que tem na minha rua se despiram há muito. A cor dourada no meio do verde via-se de longe a longe nos vales mais altos, e dava para imaginar a imensidão da floresta, que quando só se vê o verde parece menor! A tonalidade da cor verde era imensa e variada. Bonito de se ver! Diz o ditado: que as árvores morrem de pé. E ficam de pé, se minguem as derrubar, até se deteriorarem pela força das circunstâncias, que leva muito, muito tempo. Entretanto vão se depositando nelas, sementes minúsculas de líquenes, que podem estar anos sem desabrochas por não terem humidade suficiente. Então este ano, desabrocharam com toda a força, e abundância, em cor de prata que é uma beleza impar no meio da cor verde, e se torna uma verdadeira arte para a máquina fotográfica. Que eu, esqueci de lavar! Imperdoável de minha parte. Tão cedo não volto a ver uma floresta e flora tão bela. O silêncio era imenso e estrondoso… pois todo ele falava na voz de Deus, ao som do cântico da água, correndo de fraga em fraga até ao Rio.

sinto-me:
publicado por zezacastanho às 22:32

link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Março 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Convívio pascal dos sénio...

. Clube de leitura

. Sétimo selo.

. Ao clube de leitura

. Ser ou parecer...

. Natal.

. Coral polifonico atuando ...

. Convivio dos Sénior+ Da E...

. Convívio sénior.

. ...

.arquivos

. Março 2015

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Março 2013

. Setembro 2012

. Março 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Setembro 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Dezembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Março 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

.tags

. todas as tags

.links

.participar

. participe neste blog

blogs SAPO

.subscrever feeds