Segunda-feira, 10 de Dezembro de 2007

Outono

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O que eu estou agora a contemplar é de uma beleza que não tem par. Estou vendo muito ao longe no horizonte da minha janela, coisas tão lindas, que não sei falar delas, com a harmonia que elas me tramitem, mas sei dizer que vejo a voar lá muito ao longe no alto, um avião com um brilho tão intenso que faz lembrar o Sol a nascer,  mas não é, sãos os raios que lhe vão  reflectind, por isso é que tem esse brilho  tão intenso. Se não fosse o Sol eu não o podia ver com tanto gosto. Também vejo nuvens de várias cores: umas são  escuras outras são cinzentas tem algumas brancas e uma é rosa que «bonita cor,» nunca tinha visto uma nuvem com tom desta cor. Vejo tantas árvores e tão variadas que se for conta-las fico baralhada, não as sei contar para vos dizer quantas são ao todo. São tílias enormes, carvalhos da Austrália , pinheiros enormes do Brasil tão altos, maiores do que as casas, muitas laranjeiras que já estão com os frutos à amadurecer, são diospireiros com frutos tão lindos e também xuxus. Vejo várias aves cruzando o Céu,vejo gaivotas a pousar nos telhados para descansar, vejo tantos melros na sua labuta a apanhar minhocas para se alimentar! Vejo rolas lindas a namoriscar, também pombas brancas símbolo da Paz, mas o que mais gosto é ver cruzando no Céu, bandos de pardais a voar. São tantos e tantos que são aos milhares.Bonito, é ver a coreografia que estão a fazer todos tão certinhos que dá gosto ver. Chamam-se estorninhos está o meu vizinho a dizer.Agora já foram todos se deitar em cima das árvores para descansar, antes de dormir estão a conversar, todos em  únisso estão a chilrear que bonito som eu estou a ouvir, só queria saber o que estão a dizer para os entender, mas são coisas lindas com toda a certeza, no tom de voz que vão conversando cada vez mais baixinho para adormecer, já não ouço nada, pois estão dormindo.

 

Sou muito feliz por morar aqui, pois vi tudo isto  que escrevi, da  linda janela da minha cozinha, logo posso ver o brilho da Lua que está agora a nascer num tom de cor toda amarelinha da cor das folhagens das folhas das árvore que são cor pasteis, muito variadas e harmoniosas.Não há nenhum pintor que as pinte assim. Minha rua está, toda entapetada com folhas sequinhas, parecem flores, que eles ao pisá-las elas estalam todas. Que música linda eu  estou ouvindo. Gosto do Outono com as suas cores e de ver as árvores a despirem-se delas para na Primavera vestirem outras roupas com novas cores. Viva o Outono, via a Primavera, viva a Natureza gosto imenso dela.

sinto-me:
publicado por zezacastanho às 21:03

link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Março 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Convívio pascal dos sénio...

. Clube de leitura

. Sétimo selo.

. Ao clube de leitura

. Ser ou parecer...

. Natal.

. Coral polifonico atuando ...

. Convivio dos Sénior+ Da E...

. Convívio sénior.

. ...

.arquivos

. Março 2015

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Março 2013

. Setembro 2012

. Março 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Setembro 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Dezembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Março 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

.tags

. todas as tags

.links

.participar

. participe neste blog

blogs SAPO

.subscrever feeds